HUMBERTO COSTA ‘CAUSA’ NA INTERNET AO ESCOLHER A REVISTA VEJA PARA REPOSICIONAR SUA IMAGEM POLÍTICA

Senador Humberto Costa (PT) – Foto: Cristiano Mariz/VEJA

Odiada e taxada de golpista por petistas e esquerdistas em geral, mas ainda muito lida e merecedora de atenção por uma grande parcela da opinião pública, Humberto Costa sabia que sua entrevista à revista VEJA iria ‘causar’. E chamou mesmo a atenção!

Não só dos militantes petistas, que têm demonstrado suas indignações nas caixas de comentários dos blogs alinhados ao PT, como também dos leitores tradicionais da VEJA e outros que ficaram surpresos ao vê-lo nas páginas amarelas da última edição da mais famosa publicação da Editora Abril, fazendo uma autocrítica do Partido dos Trabalhadores.

À revista, Costa disse que chegou a hora de o PT admitir que se envolveu em corrupção, pedir desculpas à sociedade pelos erros que cometeu, abandonar o discurso de “denúncia do golpe” e apresentar propostas econômicas para tirar o país do atoleiro. “A autocrítica é necessária, essencial, mas não é suficiente”, afirma.

Na minha opinião, o senador Humberto Costa começou um processo de reposicionamento de sua imagem política.

De burro ele não tem nada. Sabe que o tal discurso de golpe não tem mais qualquer valia, que insistir neste papo patético e ultrapassado só vai afastá-lo do público mais conectado com a atual realidade política e econômica do país.

Fato é que, todo político visionário, sabe a hora de mudar de opinião quando a conjuntura pede.

Agora, se ele pretende mesmo fazer um reposicionamento radical em sua imagem, penso que terá que sair do PT. Até porque pelo que vi nos comentários dos militantes nos blogs petistas, o senador virou persona non grata após sua entrevista para a VEJA.

Clique AQUI para curtir a Fanpage do Blog do Vagner Rosa.