PEGOU MAL AS AUSÊNCIAS DO PAPA E DE TEMER À CELEBRAÇÃO PELOS 300 ANOS DE NOSSA SENHORA APARECIDA

Papa Francisco e presidente Michel Temer – Fotos: Divulgação

Apesar da queda constante do catolicismo no país – conforme mostrada em pesquisa Datafolha divulgada nesta quinta-feira (veja aqui) –, o Brasil ainda é a nação mais católica do mundo.

Portanto, as ausências do chefe maior da Igreja Católica, Papa Francisco, e do presidente da República, Michel Temer (PMDB), à celebração pelos 300 anos de aparição de Nossa Senhora Aparecida podem ser vistas como uma grande desfeita por parte dessas duas autoridades para com a solenidade de homenagem à Padroeira do Brasil.

Mesmo com envio de representantes da Presidência – ministros Gilberto Kassab (Ciência e Tecnologia) e Antônio Imbassahy (Secretaria-Geral) – e do Vaticano – arcebispo dom Giovanni Battista –, pegou muito mal as ausências de Temer e do Papa ao importante evento. Fato!